Strawberry Land: Lista histórica dos dez países mais ricos do mundo

2 de abril de 2013

Lista histórica dos dez países mais ricos do mundo


Esta é uma lista dos dez países mais ricos — isto é, com o maior Produto Interno Bruto (PIB) — do mundo ao longo dos anos. Durante boa parte do século XX até os dias atuais, os Estados Unidos firmam-se, de forma consistente (desde a Segunda Guerra Mundial, quando a economia norte-americana ultrapassou a do Reino Unido, até então considerada a maior do mundo), como o país mais rico do planeta.

Entretanto até os o início dos anos 1990 a lista era formada majoritariamente apenas por países considerados de "primeiro mundo", em sua maioria nações européias (como Reino Unido,França, Alemanha Ocidental/Alemanha e Itália), além, é claro, dos EUA, do Japão, Canadá, e, ocasionalmente, da já extinta União Soviética. Hoje, porém, é notável a influência e impacto de economias emergentes, de nações subdesenvolvidas-industrializadas, como é o caso de países como China, Brasil, Índia e Rússia — que juntas, formam o BRIC, conjunto de países criado em 2001, que, segundo estimativas de especialistas do mundo todo, devem se tornar as maiores economias do mundo nas próximas décadas, suplantando países de primeiro mundo que hoje formam as dez nações com o maior PIB do mundo, como Alemanha, Estados Unidos, França, Japão e Reino Unido.

Há alguns anos, a China, maior emergente econômico do mundo atual, ultrapassou a Alemanha, e havia se tornado na terceira maior potência econômica do mundo.

Os EUA manteve, apesar de sua recessão iniciada em 2007, o primeiro lugar entre as economias mais fortes. Nos último anos, o Brasil se recuperou, saiu do décimo lugar para o oitavo, atrás da Itália, Reino Unido, França e Alemanha. Países detentores de altíssimos níveis de qualidade de vida, como Suécia e Suíça foram desbancados da lista dos vinte primeiros, em virtude do crescimento do México e da Austrália.

Além da forte emergência da China e do bom momento econômico vivido, no período entre 2005-2010, por países como o Brasil, a crise mundial desencadeada pela recessão norte-americana de 2007, enfraqueceu as estruturas econômicas de gigantes tradicionais.

Porém, países como EUA, França, Alemanha, Itália e Rússia ainda possuem possibilidade de retornos de capital e importância em nível mundial em assuntos socioeconômicos. Ban Ki-moon, secretário-geral da Organização das Nações Unidas, e sucessor de Kofi Anna, desde que assumiu a cadeira manteve a cobrança da entidade em relação aos países desenvolvidos e permanentes nas primeiras posições entre as nações mais ricas, para que ajudassem os países mais pobres nas questões sociais e ambientais.

Segundo Ban Ki-moon, as mudanças climáticas e a crise financeira está prejudicando as Metas de Desenvolvimento do Milênio. Veja a seguir, segundo dados do World Bank, a lista das economias mais ricas do mundo, segundo a mesma instituição, o Brasil possui grandes condições de se tornar a quinta economia do mundo:

Lista por PIB (em bilhões de dólares) – Dados de 2009 segundo o FMI.

1. Estados Unidos (14.256)

2. Japão (5.068)

3. China (4.908)

4. Alemanha (3.352)

5. França (2.675)

6. Reino Unido (2.183)

7. Itália (2.118)

8. Brasil (1.574)

9. Espanha (1.464)

10. Canada (1.336)

11. India (1.235)

12. Rússia (1.229)

13. Austrália (997)

14. México (874)

15. Coreia do Sul (832)

16. Holanda (794)

Nenhum comentário:

Postar um comentário